segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Desafio 11 para as Solteiras

TIC TAC DO RELÓGIO BIOLÓGICO



Hoje vou abordar um assunto muito importante que mais parece um tabu.
Sei que será assunto polêmico e que muitos discordarão da minha opinião, mas se na realidade colocarem as emoções de lado irão entender…
Outro dia destes, precisei ir ao médico. Chegando, ele começou com aquelas perguntinhas de sempre…
Qual a sua idade? 36 anos
Fuma? Não
Bebe? Não
Usa drogas? Não
Tem filhos? Não, eu e meu esposo optamos por não ter filhos.
Gente, vocês precisavam ver a cara do médico! Ele começou a fazer mais perguntas com relação a isso e ainda assim parecia completamente chocado! Não conseguia aceitar essa escolha…
Ele não é o único. Para todos que menciono isso, parece que viro um ser de outro planeta para aquela pessoa.
Eu até entendo essas reações, mas o que as pessoas não parecem entender, são as minhas razões!
Talvez, para você solteira, desesperada para encontrar alguém e casar, por causa da pressão do relógio biológico isso seja algo que você gostaria de considerar…
Casei com 24 anos e meu esposo tem a mesma idade que eu.
Um ano depois decidimos que não iríamos ter filhos. Foi uma decisão totalmente racional, sem nenhuma emoção envolvida. Não é que não gostamos de criança, gente, eu e meu marido somos loucos por elas.
Eu não tive relógio biológico me pressionando, foi uma decisão minha e do meu marido, o fato de vivermos uma vida de entrega total àquilo que fazemos também contou, não queríamos nos dividir nem fazer com que uma criança tivesse que sacrificar por algo que foi uma escolha nossa e muitos outros fatores…
Já se passaram 12 anos desde a nossa decisão e não poderia estar mais feliz!
Ter filhos parece ser mais que um sonho para muitas mulheres, é uma necessidade, como se fosse algo, que se faltar, ela nunca será feliz e completa!
Isso não é verdade e sou prova disso!
Mulheres que não podem ter filhos, se sentem inferiores, como pode?
Elas tentam de tudo! Inseminação artificial, barriga de aluguel, etc.
Vejam a realidade, olhem para o mundo em que vivemos hoje, tanta podridão!
Pedofilia para todos os lados! Pessoas que tem filhos, precisam estar fazendo de suas casas prisões confortáveis, pois o medo de algo tão horrendo acontecer é demais! Mas isso não é o suficiente, e quando o abuso acontece dentro de casa?
Se a criança brinca na porta de casa pode ser sequestrada ou atingida por uma bala perdida!
E os casos tão comuns de crianças que crescem para se tornarem adolescentes tão rebeldes que tem a coragem de matar seus próprios pais!!!?
Na minha visão aqui não é mais um bom lugar de se viver!
Então te pergunto, qual a necessidade de arriscar colocar mais uma vida nesse mundo tão podre e nojento?
Somente para satisfazer um desejo seu? Para aplacar a cobrança de familiares?
Não seriam estas razões um pouco egoístas?
Vocês acham que as coisas irão melhorar? De jeito nenhum, a bíblia já prevê tudo isso… É o amor se esfriando de quase todos.
Lembrem-se ainda que seja um bebezinho lindo… ele cresce! E quando crescer, não existe nenhuma garantia de que aquela pessoa irá escolher os caminhos de Deus! Ainda que sejam filhos de bispos ou pastores!
Portanto amiga, se você tem se sentido pressionada por essa razão. Veja por esse lado também.
Veja bem, se você quer ter filhos, tudo bem não estou tentando mudar a sua cabeça e nem te recrimino, essa é uma decisão bem pessoal. Apenas acho que é necessário abrirmos a nossa mente e procurarmos ver as coisas de um outro ângulo. E esse é o ângulo pelo qual enxergo.


Tarefa 11
“Medite sobre esse assunto, sem emoções envolvidas, quem sabe não era aquilo que você precisava ouvir…”

Autoria: Nanda Bezerra

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Desafio 10 para as Solteiras

JESUS 100%



"Fê, só vou me casar se for pra ter um casamento igual ao seu e do Jr!"

Estava um dia conversando com minha cunhada sobre o assunto e ela me disse isso.

Na hora me senti honrada e imediatamente agradeci a Deus.

Ela não foi a única a dizer isso, outro dia uma jovem aqui na igreja, com quem eu nunca havia falado antes, parou na minha frente e mandou bala... "Quando eu me casar, meu casamento vai ser como o seu!" virou as costas e saiu!kkkk

"Tá ligado, vai ser ainda melhor!" respondi para as costas dela.

Eu estava aqui pensando no nosso próximo assunto, quando me lembrei disso e comecei a pensar...

Tudo bem você quer ter um casamento maravilhoso, mas eu te pergunto...

Você está preparada para os sacrifícios que serão exigidos para chegar lá?

Olha, pra mim não foi nada fácil, mas se me perguntar se valeu a pena... CLARO QUE SIM!!!!

Como muitas de vocês já sabem eu estava namorando o Jr quando cheguei na igreja. Decidi então mudar meus caminhos e me entreguei pra Jesus.
Chegou então o momento, em que eu senti que precisava escolher... Continuar com Jesus 100% ou arriscar continuar com Jesus e dividida naquele relacionamento...

Vejam bem, escolher Jesus 100% iria exigir um sacrifício, que só de pensar me fazia chorar de dor!

Chorei muito antes de tomar a decisão, mas sabia que com Jesus 100%, iria chorar agora, para sorrir e muito no futuro... E foi exatamente o que aconteceu!

Vocês sabem que para alcançar coisas grandes na vida, sacrifícios são exigidos.

E você? Tem estado divida? Na dúvida? Com medo de sacrificar?

Sei muito bem o que é isso, mas lembre-se, sua decisão agora será responsável por seu futuro...

Se no seu futuro você estará sorrindo ou chorando, vai depender das suas escolhas e decisões feitas agora!

Você planta com Jesus, para poder colher com Ele! Se você planta sozinha, vai colher sozinha!

E então o que você escolhe?

Jesus 99% ou 100%?

Tarefa 10

"Analise suas escolhas, veja se tem sido com Jesus 100%. Veja se você tem escolhido sacrificar o seu "eu", suas emoções, para que no futuro você venha a colher com alegria.

Sabe esse namorado, que você sabe que não vai dar em nada? Todos os sinais estão ali, ele já mentiu, te enganou, decepcionou, mas você gosta tanto dele... Você o ama!

Sabe aquele que você vê que não é compatível? Vocês querem coisas muito diferentes, mas você o ama tanto! Depois do casamento ele muda... (Você que pensa!)

Sabe essa ansiedade maldita que parece que vai te sufocar?!! Você quer agir!!

Pois é... está em suas mãos!

Você decide!

Uma decisão Certa! Uma decisão errada!

Apenas uma decisão!

Muda tudo!!!!!"

Autoria: Nanda Bezerra

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Servir

Desafio 9 para as Solteiras

O INIMIGO Nº 1 DAS SOLTEIRAS


"E então não vai arranjar um namorado?"
"E você quando casa?"
"Hehe vai ficar pra titia heim!"
Olha, quanta pressão!
Outro dia mesmo me peguei falando uma dessas para minha cunhada mais nova, que falta de tato a minha! Escapuliu! Fiquei com raiva de mim mesma logo depois que falei… “Esperava mais de você Fernanda!” pensei.
Realmente não deve ser nada fácil suportar comentários como este.
Familiares e amigos não fazem idéia de como algo que parece tão inocente, como os comentários a cima, podem levar uma pessoa a um estado de ansiedade tão grande e a decisões que a farão se arrepender para o resto da vida.
Quando você age nessa ansiedade, está agindo na emoção e a consequência com certeza não será nada boa.
Tenho uma amiga que sabe muito bem o que é isso…
Já estava quase na casa dos 30 quando a pressão da família começou. São aquelas mesmas perguntinhas e muitas vezes num nível bem mais pesado…
“Olha o relógio biológico! Você não está ficando mais nova!”
“Vai querer ser mãe-avó?”
A ansiedade começou a bater… Ela começou a se preocupar muito com o lado sentimental. Esqueceu do lado espiritual, deixou de confiar em Deus e decidiu que tinha que resolver sua vida, já que Deus parecia não estar lhe dando ouvidos…
Começou a namorar um rapaz e em menos de seis meses já estava se casando. Em um ano estava tendo seu primeiro filho.
Uhau! Você pensa. Legal ela resolveu o problema!
Que nada!
Ainda grávida da criança descobriu que o marido a traía com sua melhor amiga!
Quando o confrontou, ele decidiu deixá-la!
Okay, nem preciso continuar a contar o resto da infelicidade dela para que vocês percebam o grande erro!
Amigas, sei que não é fácil vencer a ansiedade, mas é possível!
Não sei deixem levar por comentários, ou por pensamentos que o diabo traz, pois esse trabalha na sua mente com esse sentimento chamado ansiedade.
Claro você precisa fazer a sua parte, mas também precisa confiar no seu Deus!
Buscar e esperar a pessoa certa vale a pena, isso posso comprovar.
Saiba de uma coisa, a ansiedade é o seu inimigo número 1 no momento!!!
Como vencê-la?
Aqui vai…

Tarefa 9
“ Primeira coisa, se você quer ser abençoada na sua vida sentimental, precisa fazer a sua parte! Aqui vai uma listinha de coisas que você precisa fazer…
  1. Inicie um propósito com Deus e faça parte das Terapias aos sábados na igreja Universal.
  2. Não seja boba, vá sempre bem arrumada e bem apresentada. E não esqueçam da balinha de hortelã na bolsa. Sempre!
  3. Fique atenta pois outros estão ali pelo mesmo motivo que você, então, olhe ao seu redor.
  4. Se não ver ninguém, não desista nem desanime, continue firme.
  5. Se encontrar não se apresse, faça questão de conhecer bem o caráter dele.
  6. Evite ficar ociosa, pois é nesse momento que o diabo ataca com os pensamentos, ocupe seu tempo! Se envolva em algum grupo na igreja, se ocupe com as coisas de Deus. Evangelizar e fazer visitas em hospitais são ótimos exemplos.
  7. Se for possível, tenha amigas, vá ao cinema, jantar fora, andar no shopping ou coisas do tipo.
  8. Faça um curso! Isso mesmo, na luta contra a ansiedade e ociosidade vale tudo! Se o problema for grana, busque algo na internet e se empenhe em aprender! Tenho dois primos que falam Inglês fluente e sabe como aprenderam? Sozinhos!!! Na época nem tinham internet, imagina se tivessem!!!!
  9. Minha última dica, deveria ter sido a primeira, pois é a mais importante!

TENHA DEUS SEMPRE EM PRIMEIRO LUGAR EM SUA VIDA.
“Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas” Mateus 6:33
Eu creio piamente nesta palavra e você?!


Autoria: Nanda Bezerra

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Aniversário cunhado L U Í S

Meu cunhado fez anos no dia 29 de Janeiro...

Só agora é que posto as fotos?!? Pois.. já me tinha esquecido que tinhamos tirado fotos :) ai vida.... :)

Nos anos do meu cunhado foi engraçado... eu fui buscar os amigos do meu cunhado e acabei por não ter tempo de jantar, ou seja, na festa eles estavam a comer aqueles doces todos e eu de prato na mão a jantar eheheheheheheh


Depois andamos "à caça ao Rui Pedro".. um colega nosso que não queria tirar fotos... então é que nos dava mais aquela vontade de o apanhar desprevenido e... ZÁS.. UMA FOTO.. :)






Sempre a tentar se escapulir... mas os paparazzi são very profissionais... eheheheheheheheheheheheheheheh



Tivemos também a parte das meninas do coro :) cantamos karaoke... sensacional :) grandes vozes se ouviram naquela festa... pena não haver nenhum olheiro para nos contratar eheheheheheheheh :) :)


Nas fotos acima falta uma menina cantora que não sei porque motivo, mas não aparece nas fotos, e é ela:

MÁRCIA SOUSA
|
(Quando a Márcia vir esta foto, vai dar-me um valente e forte soco... ) :)


Mas pronto... a vida continua.. eheheheheh


Mas tivemos tempo ainda para fotografar a nossa beleza única :) ihihihihihihihihihihihih










E os "invejosos" quiseram tirar fotos também: eheheheheh :) :)



O momento de força:

(Estes caros jovens tentaram medir suas forças com a força do braço)

Há cada uma... :) :)



E para não termos friinho, tivemos a lareira acesa... :)




E como o aniversariante se comporta mal, leva com o taco:




P A R O U !



ADDEEEUUUUUSSSSSSS.....

Desafio 8 para as Solteiras

A BAGAGEM



Se tem uma coisa chatinha de se fazer quando precisamos viajar são as malas.
Precisamos pensar em tudo, todos os detalhes e não esquecer de nada. Isso sem mencionar a chatice de ter que ficar no aeroporto carregando mala pra cima e pra baixo, fazer o check in e quando chegamos no local destinado, começa tudo de novo…
Vocês sabem que existe também uma bagagem sentimental?
Quando um relacionamento termina, fazemos as malas também.
Uma mala diferente, não são roupas que colocamos nela, mas sentimentos…
Se ele te machucou, você coloca na mala, se te traiu, você coloca na mala, se não teve consideração, você coloca na mala e assim por diante…
Você sai desse relacionamento e carrega a tal da mala pra cima e pra baixo, até que inicia um novo, aí, pega a mala e abre!
Tira todos aqueles sentimentos da mala e traz para o novo relacionamento… Se o outro te machucou, traiu, desconsiderou, então já acha que essa outra pessoa fará o mesmo, que terá as mesmas atitudes com você, então sabe o que acontece?
Você provavelmente terá atitudes que levarão essa nova pessoa a ser exatamente da forma que você teme.
Sabe Jó, quando disse “O que eu temia me sobreveio”? Pois é!
Vocês estão cansadas de saber que se uma pessoa te decepcionou não quer dizer que a outra fará o mesmo (por isso tão importante conhecer o caráter), mas esses são sentimentos que se enfiltram em você de tal forma, que muitas vezes você só percebe que estão ali, através das suas atitudes.

Tarefa 8
“Analise suas atitudes e veja se não tem carregado essa bagagem. Use sua fé para se livrar destes sentimentos de insegurança e tão destrutivos. Um bom exercício, seria tomar atitudes contrárias as que você normalmente tomaria, vá contra essas inseguranças.”

Autoria: Nanda Bezerra

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Desafio 7 para as Solteiras

LINDONA



Quando era pequena tinha essa foto de quando era um bêbe de cabelo bem curtinho, onde só se viam os olhos e cabeça que meus pais adoravam (claro!) e decidiram fazer dela um quadro e colocar na sala.
Para minha agonia todos que vinham visitar diziam “Gente, que olhos enormes, parecem duas jabuticabas!”
Vejam bem, ninguém falava “Que Linda!” Claro que não! Falavam das benditas jabuticabas! Tenho mágoa dessa fruta até hoje!rsrs
Pronto, isso acabava comigo… Comecei a ficar mocinha, mas ainda muito incomodada com os olhos e a cabeça grande! Isso sem mencionar os pés!!
Detestava cenoura, mas comia como uma louca, pois minha mãe havia dito que quem come muita cenoura, fica com os olhos verdes! Quem dera, de tanta cenoura que comi deveriam ter ficado azuis!!!
Para completar, comecei a ter piolhos (ai que nojo!) esses benditos adoravam sugar o meu sangue! Minha mãe e minha avó tentaram de tudo, eu ficava com a cabeça limpinha, mas voltava da escola no dia seguinte empestiada!
Tinha os cabelos bem longos naquela época e amava! Minha mãe não sabendo mais o que fazer, me levou ao salão e me deu o golpe mortal!!!! Sem eu ver, mandou cortar o “estilo” Joãozinho!!!
Fiquei arrasada durante um bom tempo, me sentia muito feia, parecia um menino! Um dia no supermercado uma mulher falou assim “Ei menino, dá licensa por favor!” Olhei pra ela com muita raiva e gritei “Eu sou meninaaaa!!!”
Não sei como o assunto veio a baila, mas lembro que um dia, uma tia muito querida falou assim “Nanda, você já se olhou no espelho e viu como você é linda?” “Seus olhos são grandes sim, mas é a coisa mais linda, são expressivos, seu nariz é perfeito e você tem uma boca linda!”
Olha gente, eu deveria ter uns 12 ou 13 anos, mas nunca esqueci dessas palavras! Ela me fez ver de uma forma diferente… Claro que ainda tinha inseguranças, mas comecei a ser mais segura e até me achar bonita. Isso também fez mudar muitas de minhas atitudes. Acho que ela nem imagina o bem que me fez!
A nossa auto-estima é algo muito frágil. Apenas um comentário pode colocá-la lá em cima ou lá em baixo!
Se você tem a sua auto-estima em alta, as possibilidades de você alcançar sucesso são muito maiores do que se estiver em baixa.
A pessoa com essa alta auto-estima, é segura de si mesma e suas attitudes mostram isso. Ela sabe o seu valor, sabe onde pode chegar, crê em si mesma!
Chega de complexo de inferioridade! Trabalhe na sua auto-estima, ela precisa estar sempre em alta!
Nós mulheres somos muito influenciáveis quando o assunto é a nossa aparência, somos tão sensíveis não é mesmo?! Aí está um ponto fraco que precisamos fortalecer!
Sempre que comento com meu marido como a Gisele Bundchen e a Victoria Beckham são lindas, ele diz que as acha horrorosas!!! Não entendia, até achava que ele dizia isso pra me agradar, mas a verdade é que a beleza delas não é tão bonita aos olhos dele!
Você pode ser considerada por muitos a mais linda ou a mais feia das mulheres, mas sempre vai existir alguém que te acha linda, e sempre alguém que te acha horrorosa! A grande diferença vai estar em como você se vê!!
Quer outro exemplo? Já viu mulheres lindas namorando e casando com homens feios?
Já viram o marido da Jennifer Lopez? Pois é, tenho certeza de que aos olhos dela ele é lindo!!!
Já conheceu alguém que você achava muito bonito, mas logo depois de conhecer melhor aquela pessoa, o achou muito feio? Ou Alguém feio que logo depois se tornou bonito?
Lembrem- se de uma coisa, a beleza está nos olhos de quem vê e sua personalidade e atitudes, também podem te transformar em uma pessoa linda ou feia!

Tarefa 7
“A partir de hoje você irá trabalhar em levantar a sua auto-estima. Se olhe no espelho e valorize o que tem de mais bonito, apague os comentários negativos que já ouviu e se concentre nos positivos. O resultado desejado é que você se sinta segura de si mesma e confiante.
Ao mesmo tempo, você fará o mesmo por outra pessoa… Crie o hábito de fazer elogios sinceros com relação a outras pessoas, suas amigas ou sua mãe, por exemplo, isso não te custa nada, mas pode mudar a concepção da outra…
Sabe quando você acha algo bonito em uma pessoa, mas nunca fala nada? Pois é, pare de economizar nos elogios!
Algo muito importante é que você seja verdadeira quando elogiar, não seja falsa, pois a outra pessoa vai sentir e vai ficar muito feio pra você! Se você não vê nada positivo para elogiar, então não o faça.
Se por outro lado você tem o costume de apontar os defeitos, principalmente na aparência de alguém, procure evitar, a não ser que seja com muito cuidado e apenas para ajudar aquela pessoa.
Lembre que seus comentários podem destruir a auto-estima daquela pessoa…”

Autoria: Nanda Bezerra

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Desafio 6 para as Solteiras

SEGURANÇA



Você está namorando e toda sua vida gira em torno desse namoro.
Para as amigas você nunca mais liga nem arranja tempo para elas, pois agora todo seu mundo está totalmente dentro desse relacionamento.
Você praticamente deixa de viver sua vida, deixa de crescer, pois agora tudo é em função dele.
É somente um namoro, mas você se entrega de tal forma que acaba se transformando em uma pessoa dependente, insegura e muitas vezes um grude. Liga toda hora, quer saber onde ele esteve com quem falou, pra quem olhou, quer controlar a vida dele em todos os sentidos…
Essa atitude em muitas mulheres é a receita certa para que esse relacionamento fracasse…
E pior ainda, quando tudo termina você se sente sozinha, perdida e com sua alta estima totalmente destruída.

Queridas amigas solteiras, entrar em um relacionamento é algo sério, mas não quer dizer que a sua vida precisa parar ou girar totalmente em torno daquela pessoa.

Não conheço nenhum homem que admire uma mulher insegura e grudenta. E atitudes como as mencionadas, mostram exatamente isso.

Tarefa 6
“A melhor coisa a ser feita para mudar esse cenário é se ocupar! Sua vida precisa continuar, não se anule. Continue dando atenção às suas amigas, sua família e encontre tempo também para se dedicar às coisas de Deus. Procure fazer parte do grupo de evangelização ou outro grupo na igreja, seja participante…”
Isso irá ajudar seu relacionamento com Deus, com seu namorado e a sua alta estima também!
Em caso você não esteja em um relacionamento no momento, saberá como agir quando estiver em um.

Autoria: Nanda Bezerra

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Desafio 5 para as Solteiras

AMOR PRÓPRIO




Eu tinha 15 anos quando implorei ao meu pai que me deixasse namorar. Ele insistia em dizer que só depois dos 20…
Então um dia esse rapaz que eu estava gostando, veio e pediu ao meu pai, que para minha surpresa permitiu!
Mais ou menos um ano mais tarde e completamente apaixonada, descobri que ele me traía a torto e a direito, até mesmo na frente das minhas amigas que por “pena” de mim nunca falavam nada…
Olha, foi de cortar o coração.
É uma sensação das piores que já senti. Você se sente sem valor, um nada, um lixo!
Na hora da raiva, nem pensei duas vezes, liguei e terminei ao telefone mesmo, mas logo depois vem um monte de pensamentos do tipo… “Mas eu o amo tanto…” “E se eu der uma segunda chance?” “Como vou conseguir viver sem ele???” “Eu o perdi…” Buáaaa…
Mas ao mesmo tempo dentro de mim, algo muito mais forte me fez vencer todos esses sentimentos…
Algo chamado amor próprio!
Ele pediu para voltar várias vezes, mas me mantive firme e quanto mais as amigas e familiares falavam que eu não ia resistir, mais resoluta eu ficava.
Nunca voltamos!
Amiga, como você pode dizer que tem Jesus e não ter amor próprio?!
Mulheres e meninas hoje não se dão o valor que merecem e por isso vivem frustradas, mal amadas e infelizes.
Por favor não confundam isso com orgulho, não tem nada a ver, mas precisamos nos amar!
Se ele te traiu, terminou o namoro, não teve consideração, quem está perdendo é ele!
Confie em si mesma, no seu potencial, não se olhe como uma mosca morta!!! De jeito nenhum!
Vença os pensamentos e as dúvidas do diabo e bola pra frente! Não vou dizer que não vai doer, mas vai passar e depois você vai ver do que se livrou.
Precisamos nos amar como o nosso Senhor nos ama e nos dar o valor que Ele nos dá!
Como você pode aceitar migalhas em um relacionamento, enquanto o seu Senhor tem uma mesa inteira preparada pra você?
Isso não faz sentido!
Escrevo essa mensagem em especial, para uma amiga que escreveu hoje, me pedindo um conselho com relação ao namorado que terminou com ela…
Pois é, ele te tratou como um lixo e você ainda gostaria que ele te pedisse pra voltar?!
Tenho duas palavrinhas para as amigas na mesma situação…
Amor Próprio!

Tarefa 5
“Você precisa se valorizar, se amar, crer no seu potencial e acima de tudo crer no seu Deus!
Se você crê que Deus é contigo, como pode se ver como uma derrotada?! Isso não existe!
Não basta dizer que ama a Deus, você precisa se amar também!
Hoje mesmo, você irá deixar de fazer comentários negativos com relação a sua pessoa!
A partir de hoje, você nunca mais irá repetir frases do tipo…
Como sou burra!
Não consigo fazer nada direito mesmo!
Nunca vou conseguir!
Ou qualquer outra do tipo.
Lembrem-se… “Tudo posso Naquele que me fortalece!”

Autoria: Nanda Bezerra

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Desafio 4 para as Solteiras

EMOÇÕES


Quando falamos em homem de Deus… Qual a primeira imagem que vem na sua cabeça?
Camisa social, gravata, microfone na mão e pregando sobre o altar?
Não necessariamente…
O homem de Deus não se caracteriza pela roupa que veste, nem tão pouco por estar no altar.
Lembro que depois de me converter, tinha uma idéia bem certa daquilo que queria… Casar com um homem de Deus.
Quando decidi dar um ultimato ao Júnior (meu namorado na época e hoje meu marido), era porque essa visão já existia dentro de mim e nem minhas emoções poderiam ficar no meu caminho, eu sabia o que queria e lutei muito por isso.
Aos poucos, ele começou a mudar e ver isso acontecer diante dos meus olhos foi realmente maravilhoso. Foi como ver Deus o moldando pra mim… Mas eu esperei, observava suas atitudes, seu caráter, sua fé e foi somente um ano depois de sua conversão, que decidimos nos casar…
Ele não era pastor naquela época, mas já era um homem de Deus, temente ao seu Senhor e de caráter. Isso fiz questão de comprovar e vejo isso até hoje.
Vejam bem amigas, quis trazer esse assunto à tona, pois tenho recebido e-mails de jovens, que já se dizem apaixonadas por um pastor ou um obreiro, sem nem mesmo terem conversado com eles! Somente de observá-los a distância.
Como você pode se deixar levar por suas emoções dessa forma?! Como você pode dizer que ama alguém que você nem conhece?!
Somente o fato de serem obreiros ou até mesmo pastores não quer dizer que são verdadeiramente de Deus! Muitas já caíram nesta cilada, não caia você também!!
Você precisa conhecer o caráter dele, prestar atenção nas coisas que ele fala, nas coisas que o interessam! Você precisa ter a certeza de que ele é verdadeiramente temente e fiel a Deus! Ter a certeza de que ele é um homem de Deus!
E tem mais, se ele tem visão fará o mesmo com você!
O que vejo acontecer é muita pressa em “resolver” logo a vida sentimental e muitas nem se importam com isso, estão prontas a entregar suas vidas e futuro nas mãos de alguém que nem conhecem…

Tarefa 4
“A partir de hoje suas emoções com relação a vida sentimental, precisam estar sob controle. Nada de se deixar levar apenas por um olhar… Se você está namorando irá começar a observá-lo até ter a certeza de que ele é verdadeiramente um homem de Deus e nada na emoção! Se tiver que agir e terminar o namoro, por não ver nele o caráter de Deus, não duvide nem tema. Se escolher lutar por ele, o faça na fé, mas também consciente, sabendo quem ele é de verdade.
Se você ainda não tem um namorado, esteja consciente dos passos que irá precisar tomar quando o momento chegar… E mais uma vez repito não se deixem levar por suas emoções…”
Cuidado para as emoções não te devorarem.

Autoria: Nanda Bezerra

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Desafio 3 para as Solteiras

O Primeiro Marido

 
Hoje ao acordar percebi que estava abraçadinha ao meu marido, gente como gosto disso!
No meu casamano é uma das coisas que mais me delicia… Me faz sentir segura, amada e certa de que estou no lugar certo.
Aí comecei a pensar nas solteiras que não tem esse prazer de acordar com o seu amor alí ao seu lado…
Continuei divagando em pensamentos antes de tomar coragem de sair daquele embraço tão gostoso e fui mais longe pensando nas casadas que apesar do casamento não tem esse mesmo prazer…
Olhei para o meu marido e disse… “Como eu te amo Jesus” eu ia dizer “Te amo Amor”, mas na mesma hora me veio à mente dizer primeiramente para Jesus, o mais sólido amor da minha vida, esse marido está em primeiro lugar em minha vida, então nada mais justo…
Esse marido maravilhoso, me levanta quando estou triste, me guia o tempo todo, me exorta quando estou errada, me faz sentir amada e querida, me ensina coisas diferentes, acredita em mim quando nem eu mesma acredito, me ensina a dar valor às coisas certas, enfim, me faz feliz demais.
A Ele devo toda minha felicidade. A Ele devo esse prazer de depois de 12 anos de casamento ainda acordar abraçadinha e feliz, amando ainda mais meu "segundo" marido.
Com Ele me casei primeiro e NUNCA penso em divórcio! Era solteira e não sabia o que era o verdadeiro amor até conhecê-Lo.
Quando me pediu em casamento foi o dia mais maravilhoso da minha vida!
Nos casamos e logo depois, sem nunca nos separarmos, me casei com o Júnior também!
Não se preocupem parece bigamia, mas não é!!! Tenho dois maridos legalmente!rs
Aliás, vou mais longe ainda, se esse primeiro casamento não existir, com certeza o segundo não será feliz… O primeiro é a base para o Segundo.
Existem solteiras que procuram desesperadamente o “Segundo” casamento sem terem encontrado o primeiro!!!!
E digo pra vocês, Ele precisa ser o primeiro de verdade. Primeiro em tudo em nossas vidas, precisamos amá-Lo mais que tudo e todos, senão, não vai dar certo.
Talvez você esteja apenas namorando o Senhor Jesus, e já está pensando em casar com outro! Que traição! Não pode ser assim, não é a ordem correta.
Se você quer um “Segundo” casamento que venha a te fazer verdadeiramente feliz e completa, o “Primeiro” tem que acontecer primeiro!
Entramos agora na nossa próxima tarefa para as solteiras…

Tarefa 3
“Busque o “Primeiro” amor da sua vida! Analise quem está em primeiro lugar e vai ser fácil descobrir se já O encontrou. Chega de namoro! Case com Ele! Faça esse amor se aquecer, não tenha pressa com o Segundo casamento, se entregue totalmente ao Primeiro.
Ame-O, se delicie no Seu abraço, na Sua presença, no Seu carinho, ai que delícia!!!! Ame-O com todas as suas forças, com todo o seu amor…
E o Segundo?
Acontecerá quando você menos esperar, mas esta entrega ao Primeiro tem que existir para todo o sempre… Nem a morte nos separará Dele! Que maravilha!”
Ps: Estava em toda aquela divagação, quando tive essa inspiração e pulei da cama para lhes escrever…



Autoria: Nanda Bezerra

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Desafio 2 para as Solteiras

ALGO DIFICIL


Amigas, querem saber o que é uma das coisas mais difíceis que existe?

Ouvir a verdade.

Sinceramente isso não é para qualquer um, é preciso ter estrutura, espiritualidade e humildade suficiente para ouvir certas verdades.

Muito bem dito quando dizem que a verdade dói... E é isso mesmo, ela dói pra caramba! Mas isso não quer dizer que seja algo ruim, não muito pelo contrário.

Sabe quando alguém fala uma coisa pra você, que machuca, parece até que vai te cortar ao meio, mas no fundo você sabe que aquela pessoa tem razão?

Já aconteceu isso com você alguma vez?

E então, lembra qual foi a sua reação?

Como você reagiu?

Pois é, a reação é que conta, que realmente importa.
Ficou magoada com a pessoa? Ofendida? Pior ainda, guardou mágoas?

Amiga, se não somos humildes o suficiente para aceitar as verdades então como podemos amadurecer? Como podemos pensar em casamento, pois não tenha dúvidas de que seu marido não vai hesitar tampouco em te falar umas verdades. E aí? Vai ficar com mágoa dele também?

Vejam bem, não estou dizendo que não vai doer ou que não ficaremos tristes, mas essa tristeza tem que ser com nós mesmas e nem pode durar muito também!

Certa vez meu marido me disse "Você é muito orgulhosa!" Aquilo foi o fim da picada pra mim!
Foi um pensamento atrás do outro...
Primeiro fiquei com raiva, achei um absurdo! Eu! Orgulhosa!!!!
Depois fiquei arrasada que ele pensasse aquilo de mim! "Que monstro ele é" pensei.
Depois me ajoelhei e chorei até doer a garganta... Ele tinha razão! Como doeu admitir e encarar a verdade! Me senti um nada e humilhada, mas como foi bom pra mim...

Tarefa 2
"Analise a si mesma. Veja se tem encarado as "verdades" na sua vida ou em seu relacionamento, da forma correta. Chega de se enganar! Encarar a verdade significa ir para o fim da fila? Vai pra lá! Recomece na fé! Corrija seus erros, afinal, ninguém é perfeito! Mas como é horrível ter que pagar um preço tão alto por algo que você poderia ter evitado, se apenas tivesse aceitado as verdades...

Autoria: Nanda Bezerra

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Desafio 1 para as Solteiras

AMOR DE GAMBÁ!


Sabe aquele desenho animado do gambá Pepe, que é apaixonado por uma gatinha preta com listrinhas como a dele?
Sempre que ele a vê seus olhinhos ficam esbugalhados e em formato de coração. Ele não a entende, pois sempre foge dele por causa do mau cheiro, mas ainda assim ele é apaixonado…
Esse é um amor impossível, pois ela é gata e ele gambá! Nunca vai dar certo!
Existe essa incompatibilidade e apesar de parecerem iguais, não são!
E isso não se pode negar...
Da mesma forma, aconteceu com ela… Bastou apenas um olhar e pronto, está apaixonada…
Nem o conhece o suficiente, mas já se diz apaixonada… Está amando…
Lá está o amor de gambá. Um amor baseado nas emoções que só irá trazer decepções.
Existem diversas incompatibilidades, mas como o Gambá Pepe, ela não quer ver…
Sempre pensa que com amor e depois do casamento vai conseguir superar tudo!
Muito enganada você está amiga! O casamento vai apenas agravar a sua situação.
Não são poucas as jovens que tem me escrito, arrependidas por terem vivido um amor de gambá e agora vivem uma vida fedorenta (me perdoem a expressão) no casamento!
As incompatibilidades podem ser diversas, mas vou citar apenas três…
  • Ele é muito mais novo que você. Sei que esse é um assunto polêmico e que muitos são contra. Sei também que não é uma regra e tiveram casamentos que deram certo, mas vejam bem, foi uma excessão, a grande maioria tem problemas, então a escolha é sua… Aqui, apenas te aconselho.

  • Você tem mais estudo que ele. Também outra polêmica. Mas no casamento isso é algo que é muito difícil, principalmente para o homem.

  • Os dois tem visões diferentes para o futuro. Um quer ter filhos e o outro não, está aí um bom exemplo. Um tem o desejo de servir no altar e o outro não, outro bom exemplo!

Tarefa 1

“Se você tem um namorado e está pensando em casamento, preste bastante atenção nas incompatibilidades, pois estas no futuro podem te trazer muito sofrimento. Se você ainda não está namorando é bom saber disso para quando escolher a pessoa que vai namorar. Evitem “o amor de gambá”, usem sua fé inteligente!"
Vejam bem, é melhor sofrer agora com um namoro rompido, do que sofrer no futuro com um divórcio.


Autoria: Nanda Bezerra

Não é o Fim... :) Mulheres Solteiras

Meninas, termina hoje as postagens dos 40 dias do Desafio do Amor, maaaasssssss....
os Desafios continuam dia-após-dia...


Espero que estes Desafios tenham feito de vocês, mulheres, esposas melhores....

Mas e as solteiras?!? Elas têm desafios também.... diferentes dos das mulheres casadas, mas elas também enfrentam muitos desafios...

Hoje, sou muito bem casada, mas já fui solteira... e também tenho bastantes amigas solteiras,,, por isso vou postar também Desafios para as Solteiras...

Meninas vamos todas aprender... :)

Estes desafios são da autoria de Nanda Bezerra.




40º Dia - O Amor é uma Aliança

Porque aonde quer que tu fores, irei eu; e onde quer que pousares, ali pousarei eu;
o teu povo será o meu povo, o teu Deus será o meu Deus. – Rute 1:16

Parabéns. Você chegou ao final de O Desafio de Amar _ o livro.

 Mas a experiência e o desafio de amar o seu cônjuge é algo que não tem que ter um fim.
Continua para o resto da sua vida.

Este livro termina no 40° dia, mas quem disse que o seu desafio terminou? E, à medida que você vê o seu casamento por essa perspectiva, nós desafiamos você a considerá-lo como uma aliança e não como um contrato. Essas duas palavras são parecidas em significado e intenção mas na realidade são bastante diferentes. Ver o casamento como um contrato é como dizer ao seu cônjuge, "Eu tomo você para mim e vamos ver se dá certo". Porém, vê-lo como uma aliança muda a fala para, "Eu me entrego a você e me comprometo com este casamento por toda a minha vida".
Existem muitas outras diferenças entre alianças e contratos. Um contrato é geralmente um acordo escrito baseado em desconfiança, traçando as condições e conseqüências caso seja quebrado. Uma aliança é um compromisso verbal baseado na verdade, assegurando a alguém de que a sua promessa é incondicional e boa para a vida. É feita diante de Deus como um ato de amor um pelo outro.
Um contrato é para interesse próprio e vem com responsabilidades limitadas. Ele estabelece um período de tempo para a vida útil de certas mercadorias. Uma aliança é para benefício de outros e vem com responsabilidades ilimitadas. Não tem validade. É até que a morte nos separe". Um contrato pode ser quebrado com consentimento mútuo. Uma aliança é planejada para ser inquebrável.
A Bíblia contém muitas outras alianças maiores como parte da declarada história do povo de Deus. Deus fez uma aliança com Noé prometendo que a terra nunca mais seria destruída pelas águas de um dilúvio (Gênesis 9:12-17). Ele fez uma aliança com Abraâo prometendo que uma nação inteira de descendentes viria da linhagem da sua família (Gênesis 17: 1-8). Ele fez uma aliança com Moisés declarando que o povo de Israel seria possessão permanente de Deus (Êxodo 19:3-6). Ele fez uma aliança com Davi prometendo que um rei se assentaria em seu trono para sempre (2 Samuel 7:7-16). No final de tudo, Ele fez uma "nova aliança" pelo sangue de Cristo, estabelecendo uma herança interminável e imutável de perdão de pecados e de vida eterna para aqueles que crêem n’Ele (Hebreus 9:15). E nenhuma vez sequer Deus quebrou alguma dessas alianças.
E tem o casamento - a aliança mais forte entre duas pessoas na terra, a promessa de um homem e uma mulher de estabelecerem um amor que é incondicional e que dura por toda uma vida. No casamento, o anel representa os votos da aliança - não meras obrigações que você espera cumprir, mas promessas pensadas previamente, declaradas publicamente e testemunhadas por outros.
Assim como você leu inúmeras vezes nas páginas desse livro, manter esta aliança não é algo que você pode fazer pelas suas próprias forças. Existe uma razão que explica por que Deus foi o primeiro a estabelecer alianças com Seu povo. Apenas Ele é capaz de cumprir as exigências de Suas próprias promessas. Apenas Ele é capaz de perdoar os que fazem aliança com Ele, mas falham em,manter a sua parte no acordo. Mas o Espírito de Deus está em você em razão da sua fé em Seu Filho e da graça concedida a você em salvação. Isso significa que agora você pode exercitar seu papel de protetor da aliança, não importa o que se levante para desafiar sua fidelidade a ela.
Especialmente se o seu cônjuge não está agora no lugar de receber o seu amor, o ato de proteger a aliança pode crescer mais ameaçador com o passar dos dias. Mas o casamento não é um contrato com cláusulas escapatórias e exceções. O casamento é uma aliança projetada para acabar com todos os atalhos de fuga ou retrocesso. Não há nada em todo o mundo que possa separar o que Deus uniu. O seu amor é baseado na aliança.
Centenas de anos após o profeta Malaquias ter registrado estas palavras, as pessoas ainda se perguntam por que Deus às vezes retém Sua mão de abençoar suas casas e casamentos.
"Todavia perguntais: Por quê? Porque o Senhor tem sido testemunha entre ti e a mulher da tua mocidade, para com a qual procedeste deslealmente sendo ela a tua companheira e a mulher da tua aliança. Pois eu detesto o divórcio, diz o Senhor Deus de Israel, e aquele que cobre de violência o seu vestido; portanto cuidai de vós mesmos, diz o Senhor dos exércitos; e não sejais infiéis." (Malaquias 2: 14, 16)
Todo casamento é chamado para ser um retrato terreno da aliança celestial de Deus com a igreja. O casamento é para mostrar ao mundo a glória e a beleza do amor incondicional de Deus por nós. Jesus disse, "como o Pai me amou, assim eu os amei; permaneçam no meu amor" (João 15:9). Permita que a Palavra d’Ele o inspire a ser canal do amor de Deus para o seu cônjuge.
A hora é agora, homem ou mulher de Deus, de renovar a sua aliança de amor com toda sinceridade e entrega. O amor é um tesouro sagrado para ser trocado por outro, e um laço muito poderoso para ser quebrado sem conseqüências terríveis. Ligue-se mais uma vez àquele (a) que Deus entregou para você cuidar, apreciar e honrar.
A união de vocês está em suas mãos. Seja desafiado a segurá-la e nunca deixá-la acabar.
Nós desafiamos você.

Escreva novas promessas assim como você fez no dia do seu casamento. Guarde-as em algum lugar da sua casa. Talvez, se for apropriado, você pode renovar essas promessas formalmente diante de um ministro e com a família presente. Faça dessas promessas um testamento vivo do valor do casamento aos olhos de Deus e da grande honra de ser um com seu cônjuge.

- Anote quando o desafio de hoje estiver completo.

O que Deus lhe revelou durante a jornada de O Desafio de Amar? Como a sua visão de casamento mudou? Qual o seu nível de comprometimento com Deus e com o seu cônjuge? Com quem você pode compartilhar isso como testemunho?